quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Um poema de Prisca Agustoni


"Por anos fui
maçã degolada na mesa,
                                     
bagaço quase maduro.

Avessa à filiação,
encarno a contradição dos camaleões
                                     
embora as raízes
me firam como farpas."


Fonte: http://www.germinaliteratura.com.br/prisca_agustoni.htm

Um comentário:

  1. "Maçã degolada" acho que somos quando sofremos o corte diário das provações. Um lindo poema. Até breve

    ResponderExcluir

Escreva aqui na parede seu comentário. Venho ler depois.Obrigada.

Divulgue seu blog!
Informe o código: 956
Faça pontos, ganhe brindes